Cartilha aborda autonomia econômica das mulheres

Trabalho

O material traz informações sobre a divisão sexual do trabalho, a discriminação no mercado de trabalho e assédio moral e sexual

10990505933_0e21ca00e2_c

A Secretaria Municipal de Política para Mulheres de São Paulo lançou uma cartilha abordando a autonomia econômica das mulheres. O material traz informações sobre a divisão sexual do trabalho, a discriminação no mercado de trabalho e assédio moral e sexual.

A autonomia econômica significa a capacidade das mulheres de entrarem e permanecerem no mundo do trabalho. Isso passa pela possibilidade de geração de renda e de inserção em empregos remunerados e formais. Além disso, o compartilhamento das tarefas domésticas – tanto dentro da família, como através do acesso a serviços públicos – também impacta a autonomia das mulheres.

A ideia de que as mulheres devem ser as responsáveis principais pelo trabalho doméstico, como os cuidados com a casa e com os filhos, influencia a maneira como as mulheres estão no mercado de trabalho remunerado. Um dos aspectos disso é a desigualdade na ocupação e na remuneração. Além do gênero, a desigualdade de raça também é percebida: as mulheres ganham em média 80% do valor pago aos homens; no caso das mulheres negras, esse valor cai para 65%.

A cartilha está disponível no link http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/upload/politicas_para_as_mulheres/arquivos/Cartilha%20Autonomia%20Economica_Final%20(1).pdf

2 comentários para “Cartilha aborda autonomia econômica das mulheres”

Deixe um comentário

  • (não será exibido)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>