Vestibular da Unicamp atrai mais estudantes de escolas públicas

Educação Ensino superior

Número de inscritos oriundos do ensino público passou de 28,2% para 30,2%

4940202221_e0cc25c894_z

Da Comvest

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) registrou 30,2% de inscritos oriundos de escolas da rede pública de ensino no Vestibular Unicamp 2017. O número é dois pontos percentuais maior do que aquele registrado no ano passado (28,2%) e representa 22.165 estudantes de escolas públicas inscritos, contra 21.939 do ano anterior. Este ano, o número total de inscritos ficou em 73.487. No ano anterior o Vestibular Unicamp teve 77.768 candidatos. No Vestibular Unicamp 2017, os candidatos disputarão 3.330 vagas distribuídas em 70 cursos de graduação da Unicamp. A relação de candidatos por vaga geral é de 22,7.

Entre os candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas (de acordo com a nomenclatura utilizada pelo IBGE), também houve crescimento e o percentual passou de 19,4% no ano anterior para 20,3% do total de inscritos este ano. O percentual dos pretos, pardos e indígenas entre os candidatos que optaram pelo PAAIS (Programa de Ação Afirmativa para Inclusão Social) praticamente se manteve: ficou em 36,3% esse ano, contra 36,9% no ano passado.

As dez carreiras mais concorridas no Vestibular Unicamp 2017 são: Medicina, com 221 candidatos por vaga; Arquitetura e Urbanismo (96,3); Comunicação Social – Midialogia (47); Ciências Biológicas – Integral (43); Engenharia Civil (34,6); Engenharia Química – Integral (33,3); História (30,2); Engenharia de Produção (28,3); Ciências Econômicas (27,7) e Odontologia (27,5).

Deixe um comentário

  • (não será exibido)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>