Conheça a metodologia Tô no Rumo: como debater trabalho e escolha profissional com a juventude

Escolha Profissional

Ela reúne materiais que abordam a entrada no ensino superior, as desigualdades de gênero e raça, as condições e direitos trabalhistas, além de incentivar uma ampliação do repertório dos jovens sobre as profissões existentes e caminhos de formação

tnr_mundoalemdaescola

O vídeo Um Mundo Além da Escola – Jovens e Escolha Profissional apresenta a experiência da metodologia Tô no Rumo, uma proposta para abordar os temas de escolha profissional, continuidade dos estudos e mundo do trabalho com jovens estudantes do ensino médio público. O projeto surgiu a partir de uma pesquisa feita por e com jovens sobre suas visões acerca do Ensino Médio. Uma das descobertas foi a demanda para que a escola dialogue mais sobre as possibilidades e desafios que vêm após o término da educação básica.

A metodologia Tô no Rumo foi construída pela Ação Educativa junto a estudantes, professores da rede pública e especialistas. Ela reúne materiais que abordam a entrada no ensino superior, as desigualdades de gênero e raça, as condições e direitos trabalhistas, além de incentivar uma ampliação do repertório dos jovens sobre as profissões existentes e caminhos de formação. Esse conteúdo é apresentado por uma proposta pedagógica que proporciona um maior engajamento dos estudantes, com atividades dinâmicas, divertidas e que instigam debates. A Ação Educativa realiza a formação de educadores/as e apoia a implementação das oficinas em escolas de Ensino Médio regular, de Educação de Jovens e Adultos e outros espaços educativos. Desde 2012, foram formados mais de 120 profissionais, e mais de 30 escolas na região metropolitana de São Paulo realizaram oficinas, ultrapassando a marca de 5 mil estudantes envolvidos. Com o vídeo, a Ação Educativa tem o objetivo de ampliar esse alcance, apresentando o trabalho a outras escolas, redes e espaços educativos. “O Tô no Rumo, para além de trazer informações sobre caminhos e oportunidades que esses jovens podem seguir, também busca fazer um conjunto de reflexões sobre as desigualdades que existem no campo da educação, do trabalho, e como elas afetam esses jovens”, conta Gabriel Di Pierro, assessor da área de juventude.

Os interessados em conhecer e aplicar a metodologia podem escrever para tonorumo@acaoeducativa.org.

Veja o vídeo:

 

 

Deixe um comentário

  • (não será exibido)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>